O QUE VOCÊ PRECISA SABER

1. O que é o Projeto Saúde do Trabalhador?
O Projeto Saúde do Trabalhador é uma iniciativa do SINDGEL-CE em parceria com a Paulident, uma empresa que já está no mercado há mais de 25 anos. Através deste projeto, o SINDGEL-CE quer oferecer aos trabalhadores do nosso setor e seus dependentes o acesso aos serviços básicos de saúde, de forma facilitada e com baixo custo.

2. Quais são as especialidades médicas atendidas pelo projeto?
Clínica Geral, Ginecologia, Pediatria e Odontologia. Para saber de forma mais detalhada quais os procedimentos atendidos pela especialidade Odontologia, consulte a cláusula 72ª da CCT 2018.

3. Quais são os exames laboratoriais feitos pelo projeto?
Hemograma completo, glicemia, ureia, creatinina, TGO, TGP, colesterol total e frações, triglicerídios, ácido úrico, sumário de urina, TSH, Papanicolau e parasitológico de fezes.

4. Onde fica a clínica?
Na sede do SINDGEL-CE: Rua Odilon Soares, 150, 1º andar, Farias Brito (próximo ao Mercado São Sebastião, por trás do Bradesco da Bezerra de Menezes).

5. Quais os dias e horários de atendimento da clínica?
De segunda a sexta, de 7h às 19h. Sábados, de 8h às 12h.

6. Quem tem direito a usufruir deste benefício?
Os trabalhadores do comércio de peças e serviços para veículos automotores e ciclomotores e refrigeração do Estado do Ceará, bem como seus dependentes legais.

7. Quanto custa para ter direito ao benefício?
Apenas R$ 37,00 por mês, por cada empregado. O empregado não paga nada a mais por seus dependentes e nem pelo atendimento ou pelos exames que vier a fazer em nossa clínica. Este valor é descontado do salário do trabalhador mensalmente e a empresa repassa para o SINDGEL-CE.

8. Quem são os dependentes considerados válidos?
São considerados dependentes legais: cônjuge e filhos até 18 anos. Filhos até 21 anos de idade, se ainda estiverem cursando o Ensino Médio, ou até os 24 anos, se estiverem matriculados no Ensino Superior, também podem ser incluídos. Não há limite para a quantidade de dependentes legais, desde que respeitadas estas condições.
Caso o titular não tenha dependentes legais para incluir, ele pode ainda colocar outros tipos de dependentes no seu plano, como pai, mãe ou irmãos. Neste caso, ele só poderá incluir 2 dependentes opcionais.
Trabalhadores terceirizados ou autônomos contratados que atuam no nosso setor também poderão usufruir deste benefício, nas mesmas condições.

9. Como faço para incluir meus dependentes?
O trabalhador pode incluir seus dependentes de três formas:
a) Informando à empresa em que trabalha o nome completo dos dependentes, grau de parentesco, data de nascimento e nº do CPF, para que ela passe essas informações para o setor responsável no SINDGEL-CE;
b) Vindo pessoalmente no SINDGEL-CE para passar os dados dos dependentes ao setor responsável;
c) Acessando pelo site ou aplicativo do SINDGEL-CE no seu celular, no menu Atualização Cadastral >> Dependentes.

10. Como faço para agendar as consultas?
As consultas deverão ser marcadas por telefone (a partir do dia 1º de outubro divulgaremos o número para agendamento).

11. O que é preciso levar no dia da consulta?
Nº do CPF do titular e documento de identificação do paciente com foto.

12. Tive um imprevisto e não pude comparecer à consulta marcada. O que acontece?
O usuário que não puder comparecer e não justificar sua ausência com no mínimo 12 (doze) horas de antecedência pagará uma multa no próximo atendimento no valor de R$ 15,00.

13. Não tenho interesse em ter este benefício. O que faço?
Basta acessar o site do SINDGEL-CE, baixar o Termo de Oposição, imprimir 02 (duas) vias, preencher todos os dados solicitados corretamente e vir deixar pessoalmente no sindicato, durante o horário comercial, de segunda a sexta. Vale ressaltar que presume-se autorizado o desconto do empregado que não faz este procedimento.

14. Usei o serviço médico algumas vezes, mas agora já não quero mais. Posso me opor a qualquer momento?
Não existe uma data limite para protocolizar carta de oposição, mas caso o empregado queira que o desconto já não venha mais na folha do mês seguinte, deve entregar sua oposição até o dia 10 de cada mês.
Importante frisar também que, uma vez utilizado o serviço, o trabalhador tem fidelidade de 12 meses, não podendo cancelar o benefício antes de completar um ano de quando utilizou o serviço pela primeira vez.

15. Baixei o aplicativo da carteirinha do SINDGEL-CE, mas não estou tendo acesso. O que faço?
Se você baixou o aplicativo, colocou o número do seu CPF e senha e mesmo assim não conseguiu entrar no sistema, entre em contato imediatamente com o SINDGEL-CE através do telefone (85) 3038-8118.

16. Entreguei Termo de Oposição, mas agora quero voltar atrás e ter acesso ao benefício do serviço de saúde. Como faço?
Basta acessar o site do SINDGEL-CE, baixar o Termo de Autorização, imprimir 02 (duas) vias, preencher todos os dados solicitados corretamente e vir deixar pessoalmente no sindicato, durante o horário comercial, de segunda a sexta.

17. E se eu for demitido da empresa? Como fica o meu benefício?
Automaticamente será retirado do sistema, mas se o empregado desejar continuar, tem a opção de se cadastrar no sindicato como sócio usuário. Aí nesse caso, é só ele comparecer pessoalmente ao SINDGEL-CE.

18. Se eu estiver com alguma emergência médica tipo febre alta ou vomitando, vou poder me consultar na clínica do SINDGEL-CE?
Não dispomos de estrutura para atendimento de urgência ou emergência médica, nem para aplicar medicação. O Projeto Saúde do Trabalhador é para consultas eletivas, ou seja, marcadas mediante agendamento prévio.